fbpx






10 de agosto de 2016

Sabe aquelas brigas de escola, que a molecada dizia: te pego na saída? Pois é, minha gente, está acontecendo uma briga deste tipo no mundo da internet. O Snapchat com toda sua fofura, carinhas e adesivos bacanas foi surpreendido por uma atualização do Instagram que fazia quase a mesma coisa que ele. Confusão foi armada, tanto entre os desenvolvedores das redes sociais quanto para nós usuários, que nos perguntamos: e agora, para onde iremos?

instagram-vs-snapchat

Usando mais um ditado bem popular da minha mãe – neste mato sem cachorro – nós criadores de conteúdo precisamos estar atentos a todas as inovações das mídias digitais e confesso que eu fiquei confusa, mas depois de um tempo, criei uma opinião sobre os prós e contras dessa confusão toda! E no post de hoje, irei listar para vocês!

▬ Defesa & Acusação do Snapchat ▬

snapcha

Confesso que eu demorei bastante para aderir a moda dos vídeos 24 horas que o Snapchat instalou em nossa vida. Mas concordo que usando essa rede social, eu consegui me aproximar bastante da galera que curte o meu blog, pois consegui ali, sem edições e automaticamente, deixar todos informados sobre o bastidores deste blog que vos fala.

Hoje posso dizer com todas as letras e acentos: sou apaixonada por Snapchat e esse amor tá complicado de superar. Todos aqueles filtros, aquelas carinhas dão um toque super divertido no seu dia-a-dia. Mas isso não é o que eu mais gosto na rede social. Eu curto demais as coberturas de eventos no mundo que a rede faz. Você da sua casa pode ver os bastidores do Oscar (por exemplo) da tela do seu celular. Isso me cativou muito no Snapchat.

Mas como todo lado bom, tem o seu ruim, por que afinal, faz parte! O Snapchat ele trava bastante sim, dependendo do modelo do seu celular. Comigo ele nunca foi um aplicativo problemático, mas tem muita gente que reclama. As atualizações demoram a chegar em celulares mais populares e os dados móveis e bateria, voam usando ele (mas ele continua amorzinho, né).

▬ Defesa & Acusação do Instagram ▬

instagram_keyboard_app_take_pictures_photos_pics

De todos, acho que o Instagram é uma das redes sociais que mais já usei na vida. Por que é muito automático: tu tem Facebook, tu tem Instagram. Tu posta no Facebook, tu posta no Instagram. Eu gosto de ver fotos produzidas da galera que eu gosto, ou até mesmo ver o que ela está comendo, enfim. O apelo visual do Instagram me cativa muito, independente se o feed do insta está organizado (que na verdade, eu acho isso grande bobagem, todo mundo tem que ser feliz nas redes sociais, sem cair em padrões).

Eu não sei qual foi a lógica de criar o Stories, mas acredito que foi mais ou menos, assim: O Snapchat não quis se vender então vamos derrubá-lo com um formato super parecido. Por que sim gente, as duas ferramentas são idênticas! Testei algumas vezes a nova ferramenta e fiquei assustada com o alcance dela. Num dia comum que umas 50 pessoas me assistiam no Snapchat, o triplo disso, me assistiu no Stories.

Mas o bicho é complicado gente, demais! Ele trava muito e não posta, pelo menos, as minhas histórias. E quando posta, faz isso na ordem que eles acham melhor. Ele trava, se você vê a histórias dos seus amiguinhos uma atrás da hora. E ele é inconveniente: tem gente que eu não gosto de acompanhar o dia-a-dia, e agora sou “obrigada” para tirar aquelas coisas coloridas da minha timeline (que agonia, gente).

Até onde essa briga irá, hein? Não sei, sinceramente! O que sei é que não consigo largar o Snapchat, então, se você não segue, corre lá ▬ deixefluir ▬. São poucas pessoas, sim, mas quem disse que me importo com a quantidade, hein? Espero que vocês tenham curtido esse post! Um super beijo e até a próxima 🙂

* Fotos retiradas do Google Images *

Faça parte do CORREIO DO BLOG e receba várias novidades em primeira mão • clique aqui  •
(Visited 1 times, 1 visits today)
Compartilhe o post: 1 comentário

  • IGTV: Vídeos verticais para seu público.
  • Beauty Fair 2018: Recebidos e relatos do evento.
  • Aproveite as férias fazendo cursos online
  • Comente pelo facebook:
    Comente pelo Blog:

    1. […] em nenhum dos dois. Sim, estou contradizendo o meu post sobre a batalha das redes sociais – reveja aqui -, mas não tenho culpa que o Stories me conquistou […]