Oi gente, está sou eu!

5 dicas para você entrar na transição

Oi meus amores tudo bem? Sim, tem uma pessoa diferente neste blog. Meu nome é Bruna, tenho um blog e um canal que leva meu nome mesmo. A partir de hoje serei colaboradora do Deixe Apenas Fluir. E vamos falar sobre o que? Cabelo crespo/cacheado é claro.

Transição

Oi gente, está sou eu!

Hoje quero dar algumas dicas para você que pensa em sair do alisamento e passar pela Transição Capilar. Não se preocupe que a transição não é um bicho de sete cabeças. Você só precisa entender e deixar bem claro o que você quer.

Vou explicar para vocês rapidamente o que é a Transição Capilar.

“É um período que você deixa de passar qualquer tipo de química, que pode alterar a estrutura do seu cabelo, deixando-o crescer naturalmente, sem nenhum processo químico”

Já sabe o que é a transição? Caso precise ou tenha alguma dúvida sobre ela, não hesite em deixar nos comentários! Vou adorar ajudar vocês nesta fase de descobertas. Mas agora, vamos as dicas?

Aceite você e seu cabelo do jeito que são:

 

A maior dificuldade de todas é aceitar o cabelo como ele realmente é, pois estamos acostumadas a certos “Padrões” e isso acaba nos influenciando. Não deixe ser levada por opiniões que te fará desistir. Você se amar e se aceitar fará com que as outras pessoas a ame, e, independente das suas decisões e escolhas eles aceitaram você.

Se inspire em pessoas com o mesmo tipo de cabelo: 

ISSO É MUITO IMPORTANTE! Às vezes você se inspira em pessoas que não tem o mesmo tipo de cabelo que você, e quando seu cabelo começa a crescer você vê que não chega nem perto do cabelo da “fulana” e acaba se frustrando e desistindo da transição, por isso a dica 1 é muito importante. Quando você se aceita tipo de cacho não será tão importante para você. Mas se inspirar faz bem, para você não perder seu foco.

Redobre os seus cuidados com o cabelo: 

A quem diga que cabelo natural não fica caro para cuidar, só que quem fala isso está bem enganado. O cabelo natural é mais fácil de ser cuidado do que o cabelo com alisamento, pois, o cabelo ainda tem a função de abrir e fechar escamas (isso o cabelo perde com progressiva, Botox, realinhamento e etc).

Transição

Então quando você começar a transição faça sempre os três passos dos tratamentos existentes que são: Hidratação, Nutrição e Reconstrução. Dando mais importância para o cabelo que está nascendo, ele é o que mais precisa de cuidados.

Veja mais sobre isso no meu blog: O que é Hidratação? | O que é Reconstrução? O que é Nutrição?

Faça texturização ou use tranças:

Transição

Foto: M de Mulher

Duas formas de passar pela transição “sem sofrer” é fazendo texturização: que muda a textura do seu cabelo sem processo químico e tem varias formas de ser feita. Ou colocando tranças. Quando passei pela transição não era tão comum colocar tranças como é hoje. Abuse das tranças que vai te ajudar muito caso você não queira cortar o cabelo.

Faça o BC (big chop):

Não fique com medo de cortar seu cabelo, quando estamos na transição e logo cortamos aquelas pontas que possuem químicas, o cabelo desenvolve muito rápido e os tratamentos são mais eficazes. Você pode até achar que está demorando por causa do fator encolhimento (falaremos em outro post), mas a sensação de liberdade que nos dá e muito boa!

Não tenha medo de fazer aquilo que você tem vontade por medo do que as pessoas vão falar ao seu respeito, os outros são só os outros. Não esqueça de contar um pouco sobre sua história de transição! Um beijo até a próxima! ♥

2 Comments

Leave a Reply